quarta-feira, 29 de outubro de 2008

Suando!

Absurdo dos absurdos da vida moderna! Foi isso que eu pensei quando me dei conta de que decidi suar!!! Sim, suar, de suor mesmo. Suar, essa coisa tão humana que, sem perceber, deixamos de fazer ao adquirir, sem parar para pensar, as inovações da indústria. Tudo bem que com esse calor infernal que faz em Goiânia a tarefa não é muito difícil, mas me sinto MUITO mais humana suando. Isso quer dizer que parei de uma vez por todas com os desodorantes que impedem de suar, carregados de alumínio e que fazem mal à saúde. Adotei os desodorantes naturais. Viva!

No início fui motivada pela implicância com o alumínio, substância bastante relacionada com a incidência de câncer, mas depois me veio naturalmente a reflexão do quanto estamos deixando de ser humanos. Não andamos mais, não comemos mais em casa, engolimos sanduíches, comida pronta e fast foods, passamos horas e horas de frente para o computador e, a cada dia, descartamos mais um hábito saudável em nome da pressa, da vida moderna. Estamos nos robotizando em nome dessa vida em que ter tempo pra pensar é luxo, desse capitalismo que nos instiga a produzir, produzir e que faz as pessoas se sentirem culpadas por se distraírem. Ando firme no meu propósito de viver. Viver com qualidade, de uma maneira mais próxima daquilo que se entendia por vida há algumas décadas.

Outro dia li a entrevista de um endocrinologista (ou era nutricionista???) recomendando que só se levasse pra casa aquilo que sua avó reconheceria nas prateleiras dos supermercados de hoje. Tem razão. A modernidade é excelente, facilita tudo e, claro, é muito mais confortável não suar. Mas, tente observar, na próxima vez que for ao supermercado, a quantidade de substâncias IRRECONHECÍVEIS em produtos banais que consumimos diariamente. Tente pensar um pouco: isso é natural???? Como alérgica a corantes e conservantes, pra mim foi inevitável mudar de vida, mas reconheço que é mesmo difícil abandonar uma Coca-cola ... Mas, se te consola saber, desodorantes naturais são eficientíssimos!

4 comentários:

Mônica disse...

Neste calor, inevitável suar, hein amiga!Menina, só fui ver seu recado no dia seguinte...tava sem crédito para acessar a caixa de mensagens, ehehe!!Depois ligo!!Beijinho

Andrea Regis disse...

Concordo plenamente! Não ao artificial...! Viu aquele post que fiz sobre a manteiga?! Exatamente a mesma coisa... Beijo!

Deire Assis disse...

ta sumida...

bjo!!!

Demas disse...

Aline,
adorei a dica do endocrinologista/nutricionista. Também tento viver da maneira mais natural possível. Com comida, por exemplo, tenho procurado me livrar das carnes/ovos de granja: tanto pela quantidade de hormònio ingerida por tabela como pela tortura imposta aos animais confinados. Mas falando de suor, está cada vez mais difícil encontrar - nas grandes redes - desodorante que não seja antiperspirante, não é? Me passa da dica desse natural, please, rs.
Beijo