terça-feira, 15 de setembro de 2009

Lápis de cor


Eu sempre tive essa mania de relacionar cores a sentimentos, gestos e pessoas. Tenho um leve daltonismo, mas gosto de ter meu mundinho à parte, com meus tons, meus pincéis malucos. Música pra mim é lilás, assim como a inspiração. Saudade é de um azul profundo; coragem é vermelho sangue e, paz, apesar do senso-comum associar com branco, é verde-floresta.

Tias são azul escuro com bolinha vermelha, namorados são jeans e namoradas são florais. Mãe é cor de serra vista de longe, daquelas que dão mistura de azul e rosa. Avô é azul turquesa e pais são verdes, muuuuuuuito verdinhos. Para irmãos não tem coloração definida, porque não é primário. São muitos tons, misturados, agitados, alegres. Criança tem cor de mar em dia de sol forte. Amiga é rosa, e não tinha como não ser diferente. Amigos são laranja forte e, desafetos, amarelo fosforescente.

A inteligência é ruiva. Chefe é roxo. Inveja é transparente. Chatos são daquela cor desbotada de shampoo rinse. Solidão tem cor de dia frio quando nasce. E a morte é de um branco quiboa desesperador. Já a alegria, ah... ela veste estampado de floral verde e rosa, enquanto a tristeza, daquelas de verdade mesmo,  bege clarinho. A beleza é mel. E a poesia é vermelho e rosa-fúcsia bem dosados, como um quarto parisiense. Sexo é dourado. Carinho é listrado de cinza e rosa e bebês tem cor de dia com vento. Palavras, coisa que amo, têm aquele verde azulado das viagens. Livro tem cor de anoitecer, assim como casas têm cor de amanhecer...

Minha raiva é vinho rubi bem concentrado e o meu amor... também. Meu desespero lembra uva seca e meu cinismo é preto com amarelo. A impaciência que me consome é rosa-choque-Rita-Lee. E a angústia não tem cor nenhuma, é oca, como um olhar triste. Minha preguiça tem cor de sofá verde, velho e aveludado e minha fome é amarelo-ovo. Beijo tem cor de doce de buriti fervendo em tacho de cobre. Mas, tem uma coisa que me intriga: qual é a cor de abraço?

23 comentários:

Pablo Alcântara disse...

rarara genial, genial.

pra mim, abraço é amarelo.

ei, e já reparou que cada cidade tem uma cor também?

quando penso em cidades que conheço associo com cores tb.

Luisa Dias disse...

Abraço tem cor rosa seco.. eu acho. Eu faço as mesmas associações mas com cheiro e se abraço tivesse cheiro seria algo como o cheiro da canela...

Aline Leonardo disse...

Pablo, eu tb tenho isso... uma das mais marcantes pra mim é Praga, que é amarela. Inclusive tem um album no meu Orkut que tem esse título: Praga, a cidade amarela.

Marco A. Vigario disse...

Abraço tem cor de burro fugido, é claro!

Aline Leonardo disse...

Burro fugido?!
kkk

Veruska disse...

Depende do abraço! Pode ser um arco-íris logo depois da chuva, mas pode ser preto...ausência total de cor!

Igor Augusto disse...

Pra mim você é muito esquisitinha e tem cor de caleidoscópio.

Deire Assis disse...

Nina, que texto genial! Acho que o mais genial que apareceu na minha frente nos últimos tempos! Puxa vida! Tive vontade de rir e chorar ao mesmo tempo... O que mais me impressionou foi o "branco quiboa da morte". Nada, nada mais apropriado...

Então vamos lá: pra mim, abraço tem aquela cor de céu quando a noite começa a cair, o dia foi ensolarado e frio...

Perdigoteira disse...

Muito legal, muito legal mesmo...
PAra mim, cor de abraço é cor de chá mate... quentinho, acolhedor e confortável

Richard disse...

Tão gostoso o seu texto, fiz questão de indicá-lo para um amigo que é deficiente visual. Ele acabou de me ligar. Interessante as bservações que ele fez:"Abraços não tem cor. Tem pixels. Faz uma enorme diferença força, temperatura e textura da pele. Mas como não conheço cores, vai ver deve ser a mesma da energia."
E no final, ele me pergunta: qual é a mesmo a cor da energia? Fiquei devendo a resposta!

Andrea Regis disse...

Aline, você é arco-íris.

Beijos furta-cor pra você de mim, que sou laranja.

Marucs disse...

Me imaginei num desenho do Looney Tunes... todas as cores do mundo num segudo... é como quando o coyote toma uma pancada na cabeça, em vez de ser escuro, vem todas as cores de uma vez só! ^^
gostei do texto!! parabens!

Mônica disse...

Minha amiga poeta, que texto maravilhoso!!! Como todos com os quais vc nos presenteia!!! Abraço para mim tem cor forte e "aveludada"!!!???Aveludada!!!???kkk!!!Beijusss

Marco A. Vigario disse...

Nina, seu texto me lembra um poema do Rimbaud que descreve as cores das vogais:

As Cores

A negro, E branco, I rubro, U verde, O azul, vogais,
Ainda desvendarei seus mistérios latentes:
A, velado voar de moscas reluzentes
Que zumbem ao redor dos acres lodaçais;

E, nívea candidez de tendas e areais,
Lanças de gelo, reis brancos, flores trementes;
I, escarrro carmim, rubis a ruir nos dentes
Da ira ou da ilusão em tristes bacanais;

U, curvas, vibrações verdes dos oceanos,
Paz de verduras, paz dos pastos, paz dos anos
Que as rugas vão urdindo entre brumas e escolhos;

O, supremo Clamor cheio de estranhos versos,
Silêncios assombrados de anjos e universos:
- Ó! Ômega, o sol violeta dos Seus olhos!

[do livro Rimbaud livre: Introdução e
traduções de Augusto de Campos, 2002. Original em francês aqui: http://lasso-poesia.blogspot.com/2009/04/arthur-rimbaud.html]

criadora de orquídeas disse...

Nina, Amor querido!
Que texto inspirado e inspirador!
Fez todos os amigos se manifestarem, despertou alegria, brincadeira, adivinhação e até poesia.
Eu fechei meus olhos, pensei em vc, em todas as cores relacionadas no texto e intui: abraço tem cor de estrela.
E pra mim, estrela é prata. Será que o abraço é prata ou é da cor de todas as estrelas (que tem cores diferentes), conforme diferentes são os abraços que recebemos e de quem recebemos?
Amo vc, poeta?

Maíra disse...

Nina, o abraço tem cor de cappucino, cheiro de cappuccino e gosto de pão de queijo quentinho, vc não acha?!

Gracyelly disse...

Que lindo Aline! Pra mim o abraço tem a cor do céu de abril!

Clau Finotti disse...

Que delícia de texto! Que poder de despertar sensações com palavras...!!! Não sei a cor do abraço, mas se tivesse que associar com alguma coisa, seria com a brisa do mar visto pela primeira vez...

Cibele disse...

Nine,
Adorei, adorei! Mas prá falar a verdade o abraço tem todas as cores, sabe por que? Porque depende de como ele é dado. Se for um abraço de amiga ele é rosa, imagina um abraço de alegria...todo floral! Agora o abraço das pessoas falsas deve ser preto bem escuro que nem um buraco negro. Beijinho minha amiga poeta.

marinajorgi disse...

Que lindo, Aline! Pra mim não foi difícil encontrar a cor não...Há alguns anos abraço pra mim é azul.

manu disse...

Oi Nina! Pra mim o abraço é rosa bebê...

Suave, terno, aconchegante e de uma intensa energia geradora de alegria e bondade.

O abraço tem funções terapêuticas, alivia dores, estimula a vontade de viver, rompe barreiras, aproxima pessoas e têm pesquisas que dizem que até retarda o envelhecimento!

Então... um abraço rosa bebê bemmmmmm longo e afetuoso pra vc minha amiga!!!!

Marcos disse...

Adorei o seu blog.... uma delícia de ler.
Parabéns!!

abraço

Jara Carvalho disse...

Esse texto é uma delícia... Cor de rosa com detalhes azuis.
Sempre fiz associação com cores e números, por isso muitas vezes confundo 4 com 7 pois o primeiro é um terra amarelado e o segundo é bem ocre. Dá pra confundir, né?